150 Receitas Low Carb [*SAIBA TUDO AQUI*]

//150 Receitas Low Carb [*SAIBA TUDO AQUI*]

150 Receitas Low Carb [*SAIBA TUDO AQUI*]

Está afim de apostar na dieta Low Carb e não sabe por onde começar? A dica inicial é ter uma listinha com os alimentos permitidos para as 150 receitas low carb, por isso separei os principais para vocês!

A dieta low carb restringe fortemente o consumo de carboidratos, reduzindo de sobremaneira o seu consumo. Existem muitas variações desta dieta, mantendo o consumo diário de carboidratos, geralmente, dentro do intervalo de 20g a 100g diárias.

Para facilitar o seu processo de emagrecimento, foi lançado o ebook 150 receitas low carb, que foi escrito por uma nutricionista especializada em dietas de baixo carboidrato.

150 receitas lowcarb

Como as 150 receitas low carb me farão emagrecer?

A dieta low carb prioriza os carboidratos de baixo valor glicêmico, sendo um método bastante positivo. Os carboidratos são as fontes de glicose no organismo. Em caso de a glicose ficar muito elevada no organismo, ela é reservada em forma de gordura, sendo eliminada antes de se acumular em forma de banha caso seja consumida pelo organismo antes da próxima refeição.

Para que o organismo consiga fazer essa queima rápida ele precisa liberar um hormônio chamado glucagon, que retira a energia acumulada. Se a sua dieta for rica em alimentos com índice glicêmico elevado, ocorrem diversos picos de insulina e por vezes eles estão tão altos que o glucagon nunca é devidamente liberado. Se o glucagon não for ativado, a gordura acumulada não será queimada, impossibilitando assim a perda de peso.

Se a dieta é rica em alimentos com baixo índice glicêmico, há menor alteração na insulina e o glucagon pode ser liberado.

No caso de uma dieta com muita proteína e fibras, ainda mais glucagon é colocado na corrente sanguínea. Como a dieta low carb recomenda uma redução do consumo de carboidratos em 40%, assim como uma redução de 10% do consumo de toda a ingestão alimentar, a pessoa consegue perder peso e se reeducar em seus hábitos alimentares.

Qual o objetivo das 150 receitas low carb?

Como falamos anteriormente, a dieta low carb consiste em diminuir o consumo de carboidratos. Os carboidratos são a nossa fonte de energia; ao deixar de consumi-los, o corpo passará a usar a gordura armazenada como fonte de energia, gastando-a e consequentemente contribuindo para que o indivíduo perca peso.

Em uma alimentação normal, o consumo de carboidratos deve ficar entre 45 e 55% do total de nutrientes ingeridos no dia a dia; na dieta Low Carb, esse consumo deve ficar abaixo de 20%. O objetivo da dieta é justamente fazer com que o corpo utilize a gordura armazenada como fonte de energia, o que irá gerar perda de peso.

Benefícios de seguir diariamente as 150 receitas lowcarb

A dieta Low Carb engloba centenas de benefícios para o corpo e o indivíduo. Por exemplo, ao consumir principalmente proteínas, você estará acelerando o metabolismo. Ao ingerir proteínas você estará exigindo muito mais energia do seu corpo, e com isso o metabolismo acaba ficando acelerado. As proteínas consumidas ainda ajudam a controlar o apetite, já que não causam picos de insulina.

Outro benefício muito importante é que deixando de consumir carboidratos, o excesso de líquido presente no seu corpo que causa o inchaço, será eliminado aos poucos. O acúmulo de água acontece porque os carboidratos são responsáveis por repor o glicogênio no fígado e cada grama dessa substância contém 3 gramas de água.

Alimentos permitidos nas 150 receitas lowcarb

Diversos alimentos são permitidos na dieta e para que você obtenha bons resultados é fundamental conhecer todos. Por exemplo, você pode comer proteínas de alto valor biológico, como peito de frango, peixe, frutos do mar, carne vermelha magra, ovos, entre outros. Alguns embutidos também podem ser consumidos, mas você deve sempre ficar atento à quantidade de sódio.Há quem goste de tomar também o suco detox por exemplo.

Você também pode consumir frutas com baixo índice glicêmico, como morangos, amoras, cerejas e mirtilos. Também são liberadas gorduras boas como óleo de coco, azeite, nozes, salmão, abacate e atum. Os vegetais como folhas verdes também podem ser ingeridos. Na categoria de bebidas, você pode ingerir café, chás sem açúcar e águas sem gás, além da água natural. O café preferencialmente não deve ser adoçado.

Como as 150 receitas vão te ajudar a emagrecer

Este método contribui para o emagrecimento saudável ao sugerir que a alimentação priorize os carboidratos de baixo índice glicêmico. Isto porque quando um carboidrato é ingerido ele tem a glicose que será utilizada pela célula para obter energia.

Caso haja excesso de glicose, ela é estocada em forma de gordura e se for utilizada antes da próxima refeição não há ganho de peso. Para que o organismo consiga queimar a gordura estocada é preciso liberar um hormônio chamado glucagon que irá retirar essa energia estocada. Quando a dieta é rica em alimentos com alto índice glicêmico, ocorrem muitos picos de insulina e às vezes eles estão tão altos que o glucagon nunca é liberado. Sem o glucagon a gordura que está estocada não é queimada e não há perda de peso.

Assim, quando a dieta prioriza a ingestão de alimentos de baixo índice glicêmico há uma alteração menor da insulina e consequentemente ocorre a produção de glucagon. Quando há a presença de fibras e proteínas a liberação do hormônio também é mais eficaz.

Quando a dieta low carb propõe uma redução pequena de carboidratos, algo até 40% do que é ingerido no dia, ela também ajuda a emagrecer. Não só o carboidrato, mas a proteína e principalmente a gordura devem ser bem controlados. Com uma redução de 10% e com a melhora na qualidade do que será consumido, a pessoa conseguirá não só um bom resultado, mas também uma reeducação de hábitos.

Alimentos mais indicados nas 150 receitas low carb

Verduras e legumes

Não são todas as verduras e legumes que são low carb. Sendo que as principais que se caracterizam pela baixa quantidade de carboidratos são: abobrinha, brócolis, couve-flor, acelga, cogumelos, aipo, tomate cereja, couve, agrião, pimentão, aspargos, abobrinha, berinjela, espinafre, pepino, cebola, chuchu, vagem, rúcula, escarola, alho-poró, aipo e alface.

Frutas

Nem todas as frutas são low carb, isto porque elas contam com frutose, uma fonte de carboidrato. Certas frutas podem conter grande quantidade de frutose. Em alguns casos, a forma de consumo das frutas pode reduzir a velocidade com que essa fonte de carboidrato irá entrar no organismo. Para melhorar isso, elas devem ser sempre consumidas com uma fonte de fibras, uma semente como a chia, por exemplo, ou as que podem ser consumidas com o bagaço como a mexerica ou laranja. As principais frutas low carb são: abacate, morango, pêssego, melão e coco.

Proteínas

Os alimentos ricos em proteínas como carnes, peixes, ovos, leite e derivados, soja e quinoa, também são low carb. As proteínas são nutrientes importantes ao organismo, uma vez que fornecem ao nosso corpo aminoácidos, estes são importantes para funções estruturais, motoras e metabólicas, e são componentes essenciais dos músculos e da formação de colágeno. Além disso, as proteínas auxiliam na produção de hormônios, enzimas e na regulação das funções imunológicas (células imunes). Os alimentos mais ricos em proteínas e que apresentam todos os aminoácidos essenciais são os de origem animal como peixes, aves, carne bovina, ovos e laticínios. Devemos dar preferência às proteínas mais magras como peixes e aves sem pele, carnes magras como patinho, filé mignon, alcatra, leites desnatados e queijos brancos.

Fontes de gorduras

Muitos alimentos ricos em gorduras também possuem pouca quantidade de carboidratos. Contudo, somente alguns deles são opções saudáveis de low carbs. Azeite, oleaginosas e abacate são gorduras consideradas mais saudáveis, tratam-se das gorduras insaturadas. Estudos mostram que o consumo destes alimentos é benéfico para a prevenção de doenças cardiovasculares e derrames. Esse tipo de gordura poderia aumentar os níveis de HDL e diminuir o LDL colesterol, diminuindo risco de infartos ou aterosclerose.

O que os especialistas dizem sobre as 150 receitas lowcarb

Especialistas apontam que uma dieta seja considerada low carb, a ingestão diária de carboidratos deve ser de até 50g. Sendo que, fora dessa dieta, uma pessoa saudável deve ingerir por dia entre 100g e 150g de carboidratos dependendo do organismo e biótipo. (A recomendação nutricional (RDA) de carboidratos foi estabelecida pelo Institute of Medicine (IOM, 2002) em 130 g/dia para adultos e crianças).

Vejam a lista e depois me contem o que acharam e se já tentaram. Para facilitar ainda mais posso agrupar as minhas melhores receitas low carb para vocês num único post. O que acham???

Ah! Lembrando que o que vale sempre é o equilíbrio! E mesmo com a diet lowcarb é possível modular para ingerirmos o que gostamos.

2018-02-08T03:36:20+00:00

About the Author:

Leave A Comment